Quais as profissões consideradas tendência em 2021?

Selecionamos algumas profissões que consideramos estar na crista da onda e, por esse motivo, são tidas como tendência nos tempos atuais. Levamos em conta as necessidades do mercado e pesquisas recentes, sem esquecer das carreiras historicamente tradicionais.

A tarefa de pensar na tendência do trabalho hoje está na pauta de muitos empreendedores e empreendedoras. Todo mundo está conectado ao que pode ser interessante, criativo, rentável, prazeroso. As vertentes são as mais variadas: saúde e bem-estar, tecnologia, comunicação. E se for presencial? E se for trabalho remoto? E se mudar tudo de uma hora para o outra? Uma coisa é certa: a antena precisa estar ligada. É uma mistura entre habilidade pessoal e necessidades do mundo.

crédito: TheDigitalArtist/ Pixabay 

E muitos são os estudos que indicam essas possibilidades. O LinkedIn divulgou recentemente um estudo apontando as principais tendências para estes tempos. A pesquisa destaca que grande parte das profissões estejam ligadas à área da tecnologia e os dados foram colhidos com base no perfil dos usuários a rede. Para fazer parte das contabilizações, a pessoa analisada precisou necessariamente ter ocupado um ou mais cargos nos últimos cinco anos no Brasil. Foram analisadas, portanto quais profissões tiveram maior movimentação, número de contratação, bem como taxa de crescimento.

Segundo a divulgação, as principais atividades são: gestor de mídias sociais, engenheiro de cibersegurança, representatividade de vendas, motorista, recrutador especialista em tecnologia e muito mais. Só por este panorama, não há dúvidas que de que home office é uma tendência que veio para ficar. Seja lá qual for a área escolhida, trabalhar de casa já é uma rotina de muita gente. E aí fica o desafio de reaprender a trabalhar em casa, de maneira mais solitária, com uma rotina de um trabalho normal em uma empres.

E para além dos apontamentos das redes sociais, é possível perceber em nosso dia a dia. Encontramos tendências em todas as áreas do conhecimento. Profissionais empenhados em se reinventar  na área da saúde, das humanidades e das ciências exatas. Gente entendendo as novas relações de trabalho, a necessidade do home office e o desenvolvimento de novas habilidades. Assim, sendo, selecionamos alguns destaques do que pode ser apontado como tendência para estes nossos tempos.

  1. Bem-estar e sustentabilidade
Créditos: Rawpixel/ Envato

A cada dia que passa, encontramos mais e mais pessoas preocupadas com a sua alimentação, saúde e bem-estar. Isso, naturalmente implica, na busca de novas formas de alimentação e autocuidado.  Novas termos surgem. Um deles, o chamado Locavorismo, segue exatamente esta tendência. Locavorismo nada mais é do que o hábito que uma pessoa tem de consumir produtos e alimentos produzidos próximos ao local em que ela vive. O que se deseja com este novo comportamento é estimular a economia local, dando preferência para produtos mais naturais, menos industrializados, logo mais saudáveis a ponto de elevar o patamar da saúde. E é este tipo de comportamento que, para a área de bem-estar, podemos destacar as seguintes tendências de profissão:

Créditos: jeviniya/ Pixabay
  • Gastronomia/ Nutrição: 

Muitos chefs, nutricionistas e cozinheiros estão empenhados em construir a narrativa de que comer bem, de forma balanceada e equilibrada é um bom caminho para se ter uma vida saudável. Por um lado, os chefs criam receitas cheias de saber, com ingredientes naturais. Alguns cardápios com receitas mais básicas, em outros, com ingredientes mais refinados. 

Por outro, cozinheiros e cozinheiras que se emprenham em colocar em prática essas cardápios – alguns deles se valem da venda de marmitas, congeladas ou não, justamente com o apelo da boa alimentação. E, em parceria com essas duas frentes atuantes da cozinha, está o nutricionista, que é o profissional capaz de entender as necessidades de seus pacientes, através de avaliações nutricionais específicas tanto de indivíduos (inclusive com atendimento online, apoiado pelo Conselho Federal de Nutrição), como de unidades de alimentação. 

  • Moda e sustentabilidade

Pipocam no Brasil e no mundo pequenas marcas que estão preocupadas com a questão da produção de roupas e acessórios, cuja matéria-prima não seja vinda de animais e também no sustento de pessoas de pequenas comunidades. Um ecossistema perfeito para fazer rodar a economia em pequena e grande escala. A questão da sustentabilidade permeia esse tipo de negócio e carreira, num momento em que o planeta discute a todo momento soluções para manter sua biodiversidade e ecossistema vivos. Fazem parte deste  também costureiros e artesãos que apostam em seus trabalhos manuais para gerar renda.

  • Terapias

Professores de yoga, massoterapeutas, psicólogos, terapeutas holísticos são alguns dos exemplos desse ramo de atividade. Para esta área estão carreiras em que os profissionais preocupados em oferecer bem estar para seus clientes e pacientes. Atuações para cuidar da mente, como as terapias e psicoterapias. Seja também para oferecer um relaxamento físico, como é o caso das massagens, além da oferta pelo gerenciamento do funcionamento do corpo, como é o caso da yoga.

  1. O trabalho na área da Comunicação e Tecnologia
Créditos:Free-Photos/ Pixabay

Cadeiras cativas em empresas de pequeno, médio e grande porte, os profissionais de comunicação e tecnologia se fazem presente – uma anda acompanhada com a outra. De acordo com o relatório Digital 2019, da We Are Social e da Hootsuite aponta que  130 milhões de brasileiros estão no Facebook e 69 milhões no Instagram. E se a audiência está nas mídias sociais, é natural que empresas também queira se comunicar pelas redes.

  • Social Media

Também chamado de Analista de Mídias Sociais, é aquele profissional que se responsabiliza pela gestão de um ou mais perfis de uma empresa. É dele a função criar posts, pensar na linguagem, no tipo de arte e quais estratégias são necessárias para que a empresa em questão alcance seus objetivos. Em geral, esses profissionais possuem formação nas cadeiras de Publicidade e Propaganda, Marketing, Jornalismo, Design, Rádio e TV e Relações Públicas. Mas é claro que quem tiver afinidade com este tipo de trabalho pode trabalhar tranquilamente como Social Media.

  • Tecnologia

Tecnologia da Informação e serviços; software de computadores e serviços financeiro fazem parte deste ramo e há muitas possibilidades de expansão para  este ramo do mercado. Destaque para o Engenheiro de Cibersegurança. Os especialistas nessa área são responsáveis pela proteção dos dados corporativos contra ameaças, tanto internas como externas, e da continuidade do negócio.

  1.  Clássicas profissões, novas abordagens

Médicos, advogados, engenheiros, contadores e arquitetos são algumas das profissões mais tradicionais. E elas também estão se transformando (muitas vezes com o auxílio da tecnologia). Já é possível fazer uma consulta médica comas ferramentas da Telemedicina, por exemplo. E na área da arquitetura, muitos profissionais se reinventam no sentido de se perceberem como alguém que faz muito mais do cálculos e contas. O trabalho está conectado com o ambiente, com a sustentabilidade local.

Por Keila Braçal

Deixe seu comentário