O perfeccionismo é um problema no trabalho?

O perfeccionismo é um problema no trabalho?

Você tem o perfeccionismo como uma característica marcante da sua personalidade? Se respondeu que sim, esteja certo que isso nem sempre é positivo.

Isso acontece porque o perfeccionismo pode te atrapalhar tanto na sua vida profissional quanto no setor profissional.

Ademais, a necessidade de chegar a perfeição pode prejudicar a sua confiança, produtividade e até seus resultados. Portanto, cuidado com o perfeccionismo.

Como é ter perfeccionismo?

A saber, pessoas perfeccionistas normalmente possuem a necessidade de fazer tudo da maneira mais perfeita possível.

Além disso, se você for assim, certamente terá vários padrões de como devem ser seus resultados e projetos.

No entanto, esses padrões são quase sempre muito rígidos e inalcançáveis para qualquer um, inclusive para você.

É como se nada estivesse bom o bastante, e sempre pudesse melhorar.

Você pode ter uma série de condutas embasadas na sua própria avaliação, e isso ocasionalmente pode atrasar seus prazos e prejudicar seu desempenho.

E antes que você diga que isso não pode te atrapalhar, uma vez que você não é assim com os outros, saiba que ser autocrítico em níveis excessivos pode te deixar para baixo e inseguro.

Então se você é muito rigoroso e nunca fica satisfeito com o que realiza, ligue o alerta vermelho.

Ser perfeccionista é sempre negativo

A gente sempre fala aqui nos textos do ADF que o equilíbrio é a chave para tudo, inclusive para o perfeccionismo.

Por mais que o excesso seja danoso, ao estabelecer metas para si e procurar realizar seus projetos da melhor forma que puder, você vai chegar aos seus objetivos mais rápido.

Assim, ser perfeccionista nem sempre será ruim para você, mas se isso te fizer crítico demais, e com isso atrasar suas entregas, cuidado!

O que você precisa fazer é usar bem essa característica.

Dessa maneira, não deixe de continuar percebendo os detalhes, e sendo cuidadoso.

Porém, não seja tão resistente em aceitar orientações de outras pessoas.

Da mesma forma, entenda que não precisa ser tão rígido consigo.

Não esqueça que a perfeição não existe.

Lembre-se: é fundamental entregar seu trabalho, e ele não vai ser unânime.

Você sempre pode evoluir e melhorar, claro.

Mas terminar é o mais importante.

Como isso pode prejudicar você?

Inegavelmente esses comportamentos podem te atrapalhar muito!

Além de ficar exausto para atender seus altos padrões, você vai se frustrar e ficar decepcionado já que jamais vai chegar onde acredita que precisa chegar.

Fora isso é provável que:

  • Você se sabota, e assim não evolui.
  • A procrastinação vai ser uma realidade na sua vida.
  • Ansiedade e depressão.
  • Falta de satisfação

Dito isso, comece a tentar aplicar as suas habilidades da maneira correta, de forma que você comece a buscar ter a sua melhor performance, não evitar fracassar.

Se você tem perfeccionismo, conta para gente se curtiu nosso texto.

Conte sempre conosco para se desenvolver.

Até logo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *