Metas SMART – Impossível se organizar?

Metas SMART - Impossível se organizar?

Chegar ao topo pode parecer difícil para muitas pessoas, porém para aquelas que estabelecem metas SMART, essa trajetória certamente se torna menos peculiar.

Nesse sentido, metas SMART podem ser vistas como caminhos facilitadores para que você conquiste seus objetivos e concretize seus projetos.

Porém, antes de qualquer coisa é interessante que você saiba que metas SMART são estruturas que determinam padrões para o estabelecimento de propósitos que podem ser de diferentes naturezas. Ou seja, é possível ter objetivos de caráter individual, profissional ou até mesmo coletivo, por exemplo.

Certamente você já deve ter conhecido alguém que possa ter tido questionamentos sobre o futuro, certo?

Só para ilustrar, e para que fique mais claro para você, diante do mundo de incerteza em que vivemos é completamente natural ter ressalvas sobre o tipo de ativo em que se deve investir.

A saber, as respostas para a maioria desses questionamentos requer organização.

Afinal, é muito difícil prever como é que as coisas vão acontecer.

Assim sendo, é aí que a estratégia SMART pode ser utilizada por você para estabelecer suas metas.

E então, você ficou interessado em entender mais a fundo essa importante ferramenta?

Basta continuar lendo o texto.

Metas SMART – O que isso significa?

Como eu já te disse no início do texto, essa é uma estratégia para que as pessoas definam seus objetivos de acordo com alguns critérios.

Ao passo que a conceituação de smart é feita com base em uma palavra que é formada através da união das primeiras letras de outras, a aplicação da tática é muito simples.

  • S (specific)
  • M (measurable)
  • A (attainable)
  • R (relevant)
  • T (time based)

Em síntese, esse conceito foi atribuído para empresas, pois acreditava-se que os grandes empreendedores e donos de negócios não tinham muita clareza para traçar objetivos que gostariam de atingir.

Nesse hiato, imaginava-se que através dessa estratégia os propósitos seriam mais facilmente visualizados.

Mas isso mudou e atualmente o método também é amplamente utilizado por indivíduos no seu âmbito pessoal.

Qual é o primeiro passo?

Ficou curioso e quer saber o que precisa fazer para começar?

Beleza, vamos lá!

Em primeiro lugar, você precisa estabelecer um objetivo.

E não esqueça que ele tem que ser específico.

Então nada de voar demais, heim?

Metas realistas!

Se acaso, você estiver sentindo que o seu objetivo ainda é um tanto quanto genérico, tente fazer um brainstorming.

Em seguida, reflita sobre as questões:

  • O que eu quero atingir;
  • Por que eu preciso disso;
  • Como eu posso chegar lá;
  • Quem pode me ajudar.

Tendo feito isso, é chegado o momento de pensar em como você pode medir o progresso que você conseguiu.

Não esqueça de usar e abusar dos indicadores para te ajudar nisso.

Defina metas atingíveis e relevantes

Embora pareça óbvio, eu preciso repetir, você deve ter metas reais.

Isso é muito importante não apenas em negócios, como também no conjunto das metas SMART.

Dessa maneira, reflita, conheça seu time, sua empresa e saiba o que eles podem entregar para que ninguém seja sobrecarregado.

Sob o mesmo ponto de vista, pense em como aquela meta irá transformar a empresa, e se todos estão igualmente envolvidos e motivados pelo novo ideal.

Gostou das breves dicas sobre metas SMART? Espero que elas tenham solucionado algumas das suas dúvidas sobre o assunto.

Conte com nossa equipe para responder mais algumas caso possamos te ajudar!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *