KPIs: O que são e como podem influenciar resultados

KPIs: O que são e como podem influenciar resultados

Você já pensou em KPIs quando reflete sobre métricas para avaliar o sucesso do seu negócio?

Sob o mesmo ponto de vista, conhece a importância de ter KPIs bem definidos para ter uma empresa saudável?

Caso você não tenha tanta certeza, saiba que KPIs são indicadores-chave de performance, que possuem a principal função de medir o desempenho de empresas, equipes, serviços e colaboradores.

Contudo, esse indicador não é uma métrica, visto que métrica é apenas algo a ser medido.

No entanto, partir do momento em que essa métrica torna-se um fator relevante para uma tomada de ação, você pode dizer que ela é um indicador-chave de desempenho.

Diante disso, esse indicador também pode te auxiliar a melhor compreender a eficácia de uma estratégia, porém você precisa saber que números soltos não dizem muito.

Assim, é necessário ter outros dados para comparar, e entender se a sua estratégia está gerando os resultados previstos.

O ciclo de atuação de KPIs

A princípio, preciso esclarecer que diferenciar esse parâmetro de métricas de vaidade é uma tarefa necessária, mas nem um pouco simples.

Você imagina o motivo de tal afirmação?

Em síntese, por tentar entender o mercado e todas as suas implicações, você pode acabar coletando muitas métricas, e por vezes, não tomar nenhuma atitude frente a elas.

Similarmente, é provável que isso aconteça porque essas variáveis não são essenciais.

Assim, em primeiro lugar, no momento de determinar seus indicadores, esteja atento a alguns fatores.

Primordialmente, procure entender a razão do indicador que você escolheu ser importante para avaliar o desempenho do seu serviço.

Analogamente, você pode escolher analisar a taxa de conversão de leads ou a sua estratégia de captação, por exemplo.

O que importa é validar muito bem os dados.

Em contrapartida, caso você ainda não tenha dados da sua própria empresa para realizar essa comparação, você pode analisar a execução da concorrência.

Com seus dados atuais e os dados de referência, você consegue analisar os seus serviços, ações e colaboradores de forma muito mais eficaz.

Em resumo, caso os seus números atuais estiverem consideravelmente melhores do que os escolhidos como referência, é provável que suas ações foram implementadas de forma correta.

Caso aconteça o oposto, ou seja, se os resultados estiverem muito abaixo do esperado, é o momento de executar melhorias.

Quantas escolher para seu negócio?

A quantidade de indicadores que você pode adotar em seu negócio é imensa.

O que não quer dizer que quanto mais desses mecanismos você captar, mais conhecerá a saúde do seu negócio.

Da mesma forma, também não significa que deve somente escolher aqueles KPIs que considera importantes.

Lembre-se que no final das contas você precisa de uma tomada de ação, portanto, inicie pelo básico, e defina muito bem qual é a sua meta.

Pense: como vou conseguir atingir o meu objetivo?

Uma fórmula simples de avaliar a relevância do seu indicador-chave de desempenho, inclusive, é utilizando o critério SMART.

  • Especificidade (Specific): seu objetivo é específico?
  • Mensurável (Mensurable): você  consegue medir seu crescimento?
  • (Attainable): o objetivo é realista?
  • (Relevant): a meta é relevante?
  • (Time-related): qual o tempo estimado?

Nesse sentido, não esqueça de avaliar e reavaliar objetivos, pois isso certamente vai te ajudar a garantir que as suas KPIs continuem sendo relevantes na busca de resultados dentro do seu negócio.

Esteja certo que estamos aqui para o que der e vier.

Até a próxima.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *