Índice de lucratividade – Guia para calcular o seu

Índice de lucratividade - Guia para calcular o seu

Você sabe como calcular o índice de lucratividade do seu negócio de forma correta?

Para entender qual é o índice de lucratividade da sua empresa, você precisa ter muito mais que uma vaga noção de quanto sobra no fim do mês.

Assim, no momento em que você imagina o percentual, mas não sabe com exatidão o que fica na sua conta corrente a cada mês, você certamente não sabe quanto é o índice de lucratividade do seu negócio.

A saber, esses mecanismos são ferramentas muito utilizadas para gerir negócios, já que são responsáveis por mensurar a capacidade do seu estabelecimento de produzir renda.

Em síntese, isso quer dizer que esse aparato pode premiar o capital investido.

Ademais, através desses indicadores, você vai conseguir administrar melhor a sua empresa, e também assegurar a capacidade do seu estabelecimento em lucrar com o que comercializa.

Diante disso, você imagina como calculá-lo ou mesmo conhece as fórmulas que precisa utilizar?

Não? Tudo bem!

Você está no lugar certo, pois nós podemos esclarecer algumas das suas dúvidas sobre esse tópico.

Mas antes de qualquer coisa, é bacana saber que o índice de lucratividade pode ser encontrado através da receita total do lugar.

Já a rentabilidade operacional diz respeito ao investimento que é feito.

A rentabilidade do capital investido(ROI), a rentabilidade do capital próprio(ROE), lucratividade (ROS) são alguns dos indicadores financeiros mais conhecidos.

E calma!

Se você não entendeu muito bem alguns desses conceitos, fica tranquilo que iremos pontuar tudo que você precisa saber para aplicar no seu negócio.

Índice de lucratividade e de rentabilidade: Uma introdução

Se você está à frente de uma empresa, inquestionavelmente precisa conhecer os índices lucratividade e de rentabilidade do lugar.

Acima de tudo porque é o índice de lucratividade que vai te ajudar a notar se a sua empresa está dando lucro ou prejuízo.

Além disso, através dessa métrica você:

    1. Terá uma noção da quantidade de dinheiro que ganha em relação ao tempo;
    2. Vai ser capaz de avaliar se um novo projeto seria benéfico ou não para a empresa.

Por isso pare e reflita: será que a sua empresa está lucrando adequadamente?

Você tem alguma noção de como calcular lucratividade em uma empresa?

Para obter essa resposta você deve ter a receita completa do seu empreendimento, pois a métrica é calculada a partir desse valor.

Já a rentabilidade operacional, por outro lado, leva em consideração o investimento feito até então.

À medida que você enxergar esses valores, vai ficar mais fácil conseguir investidores, uma vez que vai conquistar a confiança dessas pessoas.

Além disso, também estará garantindo a longevidade da sua empresa.

Que tal conhecer alguns dos indicadores financeiros que certamente podem te ajudar a gerir melhor os investimentos feitos no seu negócio?

Índice de lucratividade

Vamos começar a entender o que de fato significa essa variável?

Em suma, esse é um dos indicadores mais importantes no momento de avaliar financeiramente um lugar, já que a partir dele você pode medir a rentabilidade do que está sendo vendido.

Ou seja, quando encontrar o índice, visualizar quanto ganha com a venda de cada uma das suas mercadorias ficará muito mais simples.

É como se através desse valor, você dimensionasse a capacidade operacional da sua empresa em produzir lucros.

Analogamente a isso, concorda que fica mais simples bolar estratégias para melhorar o desempenho de um estabelecimento, quando sabemos exatamente o que vende, e o que não vende?

É por isso que é tão importante conhecer o índice de lucratividade.

Assim, se estiver precisando encontrar a lucratividade do seu empreendimento, aplique a fórmula abaixo:

  • (lucro líquido / receita total) x 100

Em que:

  • Receita: é o somatório de tudo que é recebido pela empresa, antes de eventuais descontos.
  • Lucro líquido: é o valor que resta após todos os descontos feitos.

Em outras palavras, esse indicador vai te mostrar o quanto sua empresa ganha, depois de pagar todas as suas contas.

O problema é que muita gente confunde isso tudo com o valor da rentabilidade da organização.

A saber, os dois valores representam índices diferentes, e a seguir eu vou te explicar o porquê.

Lucratividade e Rentabilidade: Quais são as diferenças entre esses conceitos?

Antes de falar de diferenças, precisamos entender que as duas variáveis estão relacionadas ao lucro líquido, e talvez por esse motivo, tantas pessoas façam confusão.

No entanto isso não vai acontecer com você, certo?

Ao passo que você já sabe o que é a lucratividade, entenda que a rentabilidade correlaciona o mesmo rendimento ao valor acometido na empresa para assim conseguir entender se a operação vale ou não a pena.

Para facilitar, tome nota da fórmula a seguir:

  • (lucro líquido / investimento) x 100

Que tal um exemplo para simplificar o entendimento?

Imagine que você tem 15 mil reais no banco, e decide abrir um negócio.

Tudo acontece e então você começa a lucrar 1,5 mil líquidos a cada mês.

Dessa maneira, ao aplicar a fórmula, você vai notar que a rentabilidade da sua empresa será de 10%.

Resumidamente, enquanto a lucratividade é a habilidade de produzir lucro, a rentabilidade te ajuda a avaliar o custo de oportunidade existente no investimento feito no momento de abrir seu negócio.

Então se você aplicou investimentos que renderam mais do que o retorno que teve com a empresa, fica claro que manter essa ideia de negócio não está sendo rentável.

Viu como avaliar bem diferentes indicadores é importante?

Por que isso é tão importante?

E antes que você se questione, esse indicador não te ajuda apenas a mensurar o quanto sua empresa gera lucro.

O índice de lucratividade e rentabilidade vai te ajudar a tomar decisões muito mais direcionadas e assertivas para chegar aos seus objetivos.

Ademais, você também vai ser capaz de examinar melhor o que precisa fazer para otimizar as suas estratégias, e assim ter resultados melhores.

Em síntese, com esse indicador, vai ser mais simples analisar seus prejuízos e seus lucros, e a partir disso fazer as correções necessárias.

Por fim, a última coisa que você precisa saber antes de calcular esse indicador, é que os valores das receitas totais representam o montante que você conseguiu com o dinheiro que recebeu pelas suas mercadorias.

Calculando alguns indicadores de rentabilidade

Para conseguir fazer a análise da lucratividade do seu negócio, você precisa encontrar o ROI, e o ROE.

Como você leu anteriormente, a lucratividade está relacionada à receita do que é comercializado, e a rentabilidade se preocupa mais com o investimento na empresa.

Dessa forma, você deve aprender como encontrar um indicador de rentabilidade.

Sob esse ponto de vista, um dos mais comuns é o ROI, que é o retorno sobre o que foi investido.

Para chegar a esse número, você pode usar essa fórmula:

  • Rentabilidade = (lucro líquido / investimento) x 100

Porém, se você precisa chegar a um resultado e não tem um lucro líquido, essa vertente vai ser mais útil para você:

  1. ROI = [(receitas – custos) / custos] x 100
    Contudo, se o que você precisa encontrar é o retorno sobre o patrimônio líquido, use a fórmula seguinte:
  2.  ROE = (lucro líquido / patrimônio líquido) x 100

Como interpretar o resultado do índice de lucratividade?

Interpretar o valor do IL não é difícil.

Em suma, quando o IL for maior que 1, a ação a ser implementada é recomendada.

Mas se o valor encontrado for menor do que 1, então o retorno pode não ser vantajoso.

Por isso, quanto mais elevado for o IL, melhor será o seu retorno sobre investimento, ou ROI.

E então, ficou mais simples calcular o índice de lucratividade e de rentabilidade do seu negócio depois de ler esse texto?

Conta pra gente!

Através da sua opinião, a gente consegue melhorar e evoluir ainda mais.

Se quiser se aprofundar no assunto, e aprender a interpretar melhor o seu índice de lucratividade, aqui tem um material bem interessante para dar uma olhada.

E não esquece que estamos aqui para te auxiliar no seu processo de desenvolvimento, certo?

Até a próxima.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *