Estrutura funcional organizacional: O que significa?

Estrutura funcional organizacional: O que significa?

Estrutura organizacional funcional é um tipo de classificação muito comum nos dias de hoje.

Você entende o que isso significa? A saber, uma organização que possui uma estrutura funcional organizacional bem definida, tem seus processos de coordenação facilitados, já que se empenha em solucionar questões internas.

No entanto, uma estrutura organizacional funcional também tem outra característica que pode não ser bem vista por algumas pessoas. Ao passo que se direciona a processos internos, esse tipo de mecanismo pode demorar mais a tomar decisões, o que prejudica a iniciativa de mudança.

Como você deve imaginar, muitos obstáculos cercam a vida do empreendedor.

É por isso que decidir rápido, e assim alterar uma estratégia que não esteja funcionando é tão importante.

Juntamente com esse problema, existe um outro desafio que empresas direcionadas a metas internas enfrentam: no geral elas não focam no cliente.

À primeira vista, quando pensa em estruturas organizacionais o que vem a sua mente?

Atualmente, a gente sabe que existem vários modelos de estabelecimentos: os com estruturas mais flexíveis, e aqueles que os padrões são bem definidos.

Mas uma coisa é certa, em todos esses moldes existe um planejamento estratégico, assim como uma estrutura coerente com os objetivos que se almeja alcançar.

Ademais, os modelos de estrutura organizacional também impactam a formação da cultura organizacional do lugar.

Dito isso, você acha que a estrutura do seu negócio está funcionando como deveria?

Continue lendo e descubra!

Estrutura organizacional funcional – Conceito e vantagens

Até aqui você viu que a estrutura organizacional de um lugar representa a forma que os colaboradores da empresa estão alocados naquele espaço, certo?

Do mesmo modo, identifica quais as tarefas que precisam ser feitas, e organiza responsabilidades e atribuições entre todos os funcionários que compõem a equipe.

Ao passo que facilita a avaliação dos colaboradores, essa estrutura também permite que exista maior integração entre eles.

Você vai notar que ao implementar uma estrutura sólida no seu negócio, ficará menos difícil administrar indicadores de desempenho e examinar melhor as informações disponíveis.

Contudo, não existe apenas um tipo de estrutura organizacional.

Confira a seguir as classificações mais comuns:

  • a- Estrutura Vertical: decisões tomadas de forma hierárquica.
  • b- Estrutura organizacional: funcionários divididos de acordo com as técnicas e conhecimentos que possuem.
  • c- Estrutura organizacional funcional: recursos agrupados em departamentos. E cada departamento possui um líder que responde por ele.

Hoje iremos tratar especificamente da estrutura funcional, assim como te apresentar algumas vantagens na sua implementação.

Nesse molde, cada setor tem colaboradores que dividem conhecimentos, inclusive.

Já em se falando de vantagens, não dá para não falar que aqui os departamentos são compostos por funcionários que têm os mesmos interesses e falam a mesma língua.

Assim a comunicação entre o time acaba sendo mais fácil.

Igualmente, a especialização é bastante valorizada, uma vez que cada membro do time consegue entender o que precisa ser feito após a finalização de alguma tarefa.

Todavia, também existem algumas desvantagens nesse tipo de estrutura.

A saber, a comunicação com outros setores não acontece de maneira rápida, e acaba não existindo um senso de comunidade que abrange todas as áreas da empresa.

É como se cada setor só estivesse preocupado em bater as suas próprias metas, entendeu?

Aderindo a estrutura organizacional funcional, ou não, saiba que sempre pode contar conosco para se desenvolver.

Até mais.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *