Entrevista estruturada – Você conhece essa técnica?

Entrevista estruturada – Você conhece essa técnica?

Você com certeza já passou por algum processo seletivo onde precisou fazer uma entrevista, mas você já fez alguma entrevista estruturada?

As entrevistas de emprego podem acontecer em diversas formas, mas a entrevista estruturada talvez seja o modelo que mais trata os candidatos de forma igualitária, pois favorece menos julgamentos por parte dos entrevistadores.

Sendo assim, saiba que a entrevista estruturada nada mais é do que manter um roteiro pré-definido, com as mesmas perguntas que serão feitas para todos os candidatos, de um mesmo processo seletivo.

O PROCESSO DA ENTREVISTA

Todo processo seletivo a qual você se candidatou ou abriu na sua empresa, normalmente tem uma ou mais entrevistas, seja com o RH (analista ou gerente) e/ou gestores daquela vaga que você quer ocupar.

Seja como for, as entrevistas normalmente são as fases mais tensas, em que o candidato será testado.

Assim, é preciso encantar e convencer os entrevistadores de que se é o profissional mais adequado para ocupar aquela cadeira.

Ademais, é o momento que o entrevistador tem para tirar as dúvidas a seu respeito e entender outros pontos, como a adequação ou não do profissional naquela cultura organizacional.

No entanto, o entrevistador nem sempre tem claro para si mesmo o que precisa ser abordado com o candidato e, muitas vezes, não consegue estruturar o caminho a seguir.

As entrevistas podem tomar rumos diferentes de um candidato para outro, impossibilitando assim que haja uma interpretação linear sobre os mesmos aspectos de cada concorrente.

O QUE ESPERAR DE UMA ENTREVISTA ESTRUTURADA

No roteiro previamente programado, as perguntas não apenas devem ser objetivas, como também é ideal que sejam elaboradas de acordo com a necessidade da vaga em jogo.

Nesse sentido, quando o processo for estruturado, as mesmas perguntas devem ser feitas para todos os candidatos e cada resposta deve ser anotada.

Então o entrevistador atribui notas às respostas e com a finalidade de promover um ranking.

Assim, a seleção pode ser definida de forma mais justa e objetiva, pois evita que os entrevistadores se envolvam em assuntos diferentes em cada conversa, e possam avaliar os candidatos de forma mais prática e assertiva.

Por isso, os entrevistadores devem ser treinados antes, e seguir o treinamento à risca. Inclusive, as perguntas devem ser testadas – não há espaço para o improviso.

TIPOS DE PERGUNTAS NUMA ENTREVISTA ESTRUTURADA

Portanto, ao elaborar as questões, você deve pensar (se for um entrevistador) ou se preparar (caso seja candidato) para assuntos relevantes relativos à vaga/carreira, como: experiência, projetos paralelos, formação e também sobre a vida pessoal.

Dessa forma, separei alguns exemplos de perguntas que podem fazer parte de uma entrevista estruturada, acompanhe:

Por que escolheu essa carreira?

  • Conte uma situação complicada e como você reverteu.
  • Cite pontos a desenvolver.
  • O que você conhece sobre o nosso mercado?
  • O que te motivou a se candidatar para essa vaga?
  • Você tem algum hobby? Qual?

Por outro lado, como toda técnica, essa também tem suas desvantagens e uma delas é exatamente impossibilitar o aprofundamento de assuntos, caso se torne interessante para o momento.

Por fim, é importante entender se cabe no seu processo e então se preparar adequadamente.

Espero que você tenha gostado e entendido um pouco mais sobre o que é uma entrevista estruturada.

Conte conosco para continuar se desenvolvendo.

Até mais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *