Conflito de interesses: Motivos e desvantagens

Conflito de interesses: Motivos e desvantagens

É bem possível que a maioria das pessoas acreditem que o conflito de interesses é o que impossibilita o desenvolvimento do nosso país.

Contudo, sem falar de polêmicas hoje e pensando no impacto do conflito de interesses no nosso dia a dia, você concorda que a falta de um propósito claro é o que influencia o nosso crescimento?

Nesse sentido, o conflito de interesse ocorre devido à falta de consenso existente entre duas partes, de modo que ambas tendem a defender um lado da história de maneira obstinada.

A saber, você deve analisar essas questões em qualquer contexto, especialmente no mundo dos negócios.

Será que não vale a pena ceder algumas vezes?

E falando de empreendedorismo, por favor não pense nesse setor como um jogo de interesses, em que deve prevalecer somente a vontade dos mais fortes.

É necessário pensar no conjunto da obra e nos reais objetivos que buscamos alcançar ao empreender.

Por exemplo: veja que ao começar uma sociedade empresarial, é necessário que exista um alinhamento de interesses, competências e propósitos para que a coisa flua, né?

Dessa forma, o foco deve ser solucionar a dor dos seus clientes, e não pensar nos possíveis ganhos provenientes do negócio somente.

Até porque quando um dos sócios somente visualiza o seu próprio interesse, está deixando de caminhar na mesma direção dos outros sócios.

Portanto, você precisa atuar de forma clara com as pessoas envolvidas, para que assim, você seja capaz de entender se é válido ou não continuar na sociedade.

Os principais motivos que levam aos conflitos

E entrando em outro ponto importante, é legal notar que quando pensamos em relacionamentos, entendemos que tudo depende de como cada parte enxergam os acontecimentos.

É claro que cada um possui uma forma de perceber uma situação.

Por isso, é bem possível que em grande parte dos conflitos existentes, torna-se necessário entender primeiramente o pensamento individual.

Portanto, primeiro veja o que é necessário conhecer a respeito de você mesmo.

Inicie se questionando a respeito dos seguintes pontos:

  • Quais são os meus objetivos?
  • Como eu posso agregar valor para outras pessoas?
  • Se pergunte: será que as pessoas estão tentando me transmitir, de fato é válido?

É respondendo essas perguntas, que você terá clareza sobre as suas próprias ideias, e em seguida capacidade de externalizá-las a outras pessoas.

Assim, será bem mais fácil de lidar com possíveis conflitos que venham a surgir.

As desvantagens do conflito de interesses

Como você deve imaginar, quando não chegamos a um consenso sobre uma possível decisão, é bastante complicado.

Você pode notar isso em grupos na escolas, nas faculdades e nas empresas, quando precisa trabalhar em grupo, por exemplo.

Quando as pessoas divergem a respeito de algo, como na definição da pauta de reuniões, parece que ninguém está pensando no todo, já percebeu?

É claro que ambos os assuntos precisam ser tratados, mas é necessário começar por um.

Por isso alguma parte deve tomar a frente, de modo a iniciar propondo alguns assuntos mais importantes ou cedendo para a outra parte.

O que importa é que no final tudo tem que dar certo.

Outra desvantagem está relacionada ao fato de que conflitos de interesses acabam influenciando na saúde mental das pessoas.

Afinal, não é legal estar constantemente em pé de guerra com outras pessoas.

Mas veja bem: isso não quer dizer que você não deve debater de forma saudável.

Uma boa conversa é sempre bem vinda e ajuda bastante no alinhamento dos propósitos.

Enfim, o conflito de interesses não deve ser visto como um bicho de sete cabeças, e sim como uma forma de você desenvolver os seus relacionamentos.

Por hoje é isso, mas eu desejo que esse texto tenha contribuído para sua vida, conta sempre com a gente.

Forte abraço e até breve.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *