Comprometimento – É possível engajar um time?

Comprometimento - É possível engajar um time?

Você já notou ao trabalhar em algum lugar, que as pessoas sempre estão em busca de promover o comprometimento entre os membros de uma equipe?

Decerto, isso acontece porque o comprometimento garante que os colaboradores sejam mais engajados na sua maneira de trabalhar e entregar resultados.

Contudo, o que pouca gente não pensa é que todos os indivíduos são comprometidos em alguma medida na vida. Para esclarecer isso, deixe-me pontuar que comprometimento é a porção e capacidade da energia gasta de uma pessoa para se ocupar com alguma questão.

Nesse sentido, você pode ser comprometido com o trabalho, mas não com a sua saúde, por exemplo.

A saber, existem 3 níveis de engajamento, e isso pode variar para cada um de nós.

Níveis de comprometimento

Agora que você já sabe que todos nós temos algum grau mínimo de engajamento por algo, e em alguma medida, chegou o momento de conhecer até que ponto as pessoas podem estar comprometidas com isso.

A princípio, o grau mais profundo é aquele em que o funcionário do negócio definitivamente veste a camisa da empresa e a defende acima de tudo.

Sabe aquele colaborador que entrega mais do que pedem, e que procura implementar medidas para melhorar o ambiente de trabalho, como se ele mesmo fosse o dono do lugar?

É como se a pessoa entendesse o modelo de negócio, os valores, bem como a sua missão, e se identificasse com todos esses fatores.

Nesse sentido, o comprometimento com a empresa acaba sendo traduzido em todo seu comportamento.

Em segundo lugar, temos as pessoas que fazem o trabalho não pela identificação com os valores, mas porque se sentem obrigadas a fazerem aquilo.

Só para ilustrar essa situação, isso acontece quando existem pessoas que precisam ser cobradas para trabalhar direito e efetuar tarefas específicas por gerentes ou outros líderes.

Por fim, o terceiro tipo de engajamento, é caracterizado por indivíduos que executam suas ações de acordo com a sua conveniência.

Não entendeu?

Imagine alguém que trabalha bem e faz as tarefas de forma satisfatória quando está bem-humorado, contudo o mesmo não acontece quando está frustrado ou chateado por algum motivo.

Você já conheceu alguém assim?

Para resumir, existem três tipos de comprometimento:

  1. Afetivo
  2. Normativo
  3. Instrumental

É possível engajar alguém?

Sendo direto, não.

Antes de mais nada, saiba que você vai perder tempo ao tentar motivar alguém.

Assim, estar comprometido com o trabalho ou com qualquer outra coisa, é uma escolha de cada um.

Mas, calma…

Nem tudo está perdido.

Tenho uma boa notícia para você que veio ler esse texto esperando uma resposta diferente.

Pessoas são inspiradas pelas ações de outras pessoas.

E é um papel do líder servir de exemplo.

Então, se você for um líder e tiver um time precisando estar mais comprometido com o trabalho e com bons resultados, que tal começar o trabalho por você?

Porém, mesmo que você faça parte de uma equipe cujo líder não esteja desempenhando bem o seu papel, você já pensou em exercer a liderança que pode inspirar confiança para seus colegas?

Assim como qualquer habilidade, o comprometimento também pode ser desenvolvido por todos aqueles quiserem desenvolvê-lo. Só depende de você.

Aqui no ADF te damos várias ferramentas para fazer isso, pois sabemos que você consegue. Conta com a gente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *