Canvas – Isso pode te ajudar a encontrar o modelo de negócio perfeito

Canvas - Isso pode te ajudar a encontrar o modelo de negócio perfeito

Você já teve alguma ideia incrível, mas não soube como executá-la? E se eu te disser que o canvas pode te ajudar a encontrar o seu modelo de negócio?

Além disso, ele também permite que você tenha uma visão global sobre como o seu empreendimento funcionará.

Aprenda agora como transformar as suas ideias em um negócio consistente com a metodologia business model canvas para geração de modelo de negócio.

Primeiramente, é importante mencionar que essa estrutura foi orquestrada pelo suíço Alexander Osterwalde.

Para você ter ideia, durante a criação dessa método colaboraram mais de 450 consultores ao redor do mundo.

Agora, me deixe te explicar a definição desse mecanismo.

O que é o business model canvas?

O canvas é um diagrama composto por nove quadrantes.

Nesse ínterim, cada um deles se refere a uma área vital para o negócio.

Com o canvas, como é conhecido, você pode ter uma visão sistêmica e integrada do seu modelo de negócio.

Assim, ele permite discutir estratégias e traçar metas

Ou seja, preenchendo cada lacuna, é possível desvendar aquilo que o seu negócio nasceu para ser.

Em outras palavras, o seu modelo de negócio vai tomando forma de uma maneira bem pragmática

Para montar o seu canvas, você precisa preencher os seguintes quadrantes:

  1. Segmentação de clientes
  2. Proposta de valor
  3. Canais
  4. Relacionamento com o cliente
  5. Fontes de receita
  6. Recursos-chaves
  7. Atividades-chaves
  8. Parcerias-chaves
  9. Estrutura de custos

Diante disso, é importante esclarecer que você vai criar um negócio de sucesso a medida em que se posicionar bem nessas novas áreas listadas.

A questão é:

Como fazer isso?

Que tal um passo a passo de como completar o seu quadro?

Como isso funcionaria na prática?

Agora que você já conhece o que é o canvas, vamos aprender a colocá-lo em prática.

Agora, em uma folha em branco e desenhe um quadro dividido em 09 quadrantes.

Depois disso, escreva os nomes referentes a cada quadrante de acordo com a lista que disponibilizamos para você no tópico anterior.

Então, para formar o seu canvas, responda às perguntas a seguir:

  • Segmentos de clientes: sua empresa se destina a atender que tipo de cliente? Quem são eles?
  • Proposta de valor: qual ou quais benefícios sua empresa irá oferecer aos seus clientes?
  • Canais: como a sua empresa se comunicará e como entregará sua proposta de valor?
  • Relacionamento com o cliente: quais serão os pontos de contato entre a sua empresa e o seu cliente?
  • Fontes de receitas: quais são as fontes de receitas de cada segmento de clientes?
  • Recursos-chave: quais serão os ativos mais demandados para que o modelo de negócio funcione?
  • Atividades-chave: quais são as atividades mais importantes para a sua implementação?
  • Parcerias-chave: quem são os stakeholders necessários para que o modelo de negócio funcione?
  • Estrutura de custos: quais são as despesas e gastos necessários para a existência desse modelo?

Pronto!
Finalmente, respondendo pragmaticamente ao questionário e organizando tudo dentro do diagrama, você encontrará o seu modelo de negócio.
Quer uma boa ideia?

Então, tire uma tarde para se reunir com os principais tomadores de decisão do seu negócio e se debruce sobre o Canvas.

Boa sorte e conte conosco para te ajudar!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *